• Lucas DP Sartori

Mastopexia em L: uma cicatriz mais reduzida nas cirurgias de levantamento das mamas!



Como vocês sabem, 2022 tem sido um ano bastante movimentado em toda a Clínica Sartori. Esse está sendo também um ano de diversos aperfeiçoamentos, tanto em gestão, para melhorar a experiência de vocês nos nossos atendimentos aqui na nova Clínica, quanto de aprendizado em novas técnicas de Cirurgia plástica.


Uma dos cursos que tive a oportunidade de realizar esse ano, em Curitiba, no Paraná, e que gostaria de compartilhar com vocês hoje, é sobre a mastopexia em L. Vamos conversar um pouco sobre esse tema e esclarecer as principais dúvidas sobre essa técnica que veio para agregar muitos benefícios nas cirurgias estéticas das mamas!



  1. O que é essa cirurgia, afinal?

Já comentamos por aqui que a mastopexia é a cirurgia de levantamento das mamas; ou seja, o objetivo dela é abordar mamas que estão mais caídas, para que possamos reposicioná-las em um ponto mais alto, esteticamente melhor para a paciente.

Essa cirurgia pode ser realizada com ou sem a colocação de prótese de mama, tradicionalmente envolvendo uma cicatriz em formato de "T".


A mastopexia em L surge justamente para modificar essa cicatriz.


De modo geral, podemos dizer que a mastopexia em L é a cirurgia de levantamento das mamas, com ou sem prótese, na qual temos uma cicatriz diferente, que é a cicatriz em "L".


2. O que difere, então, a mastopexia em L da mastopexia tradicional, já realizada antes?

cicatriz em T

Tecnicamente, na parte interna da mama, a colocação da prótese, se desejada, pode acontecer da mesma maneira: tanto acima, quanto abaixo da musculatura.

Na mastopexia em T, porém, a cicatriz final é aquela cicatriz ao redor da aréola, na vertical e na horizontal, que vai desde a lateral da paciente até o meio, entre as mamas, como podemos ver na imagem ao lado.





cicatriz em L

Na mastopexia em L, a cicatriz é diferente. Temos a mesma incisão ao redor da aréola, a vertical, porém na cicatriz horizontal, temos apenas na região lateral da mama. Dessa forma, não temos cicatriz na região do meio, entre as mamas, poupando a região do decote! Podemos ver um exemplo nesta imagem.




3. Qual o objetivo dessa cirurgia?


Buscamos com essa técnica uma cicatriz mais reduzida e apenas na parte lateral da mama, o que proporciona mais liberdade no pós-operatório, possibilitando que a paciente use decotes maiores na região mais do meio ou um biquíni menor, por exemplo, sem o receio de ter uma cicatriz nessa área central!


4. Para quem é indicada a cirurgia de mastopexia em L?


Essa cirurgia é indicada para toda paciente que busca realizar um levantamento ou uma redução das mamas, com ou sem a colocação de prótese, e deseja uma cicatriz menor e menos aparente. É claro que existem alguns critérios para a escolha de cada técnica para cada paciente - de acordo com o objetivo de cada uma - que avaliamos detalhadamente em consulta. De forma geral, porém, é uma cirurgia indicada para pacientes que buscam o efeito de levantamento das mamas, com um resultado diferente da cicatriz habitual desse procedimento.


5. E como funciona a cirurgia de mastopexia em L? É muito diferente da tradicional?


Na verdade, ambas são muito parecidas. O tempo de cirurgia é basicamente o mesmo: em torno de 3h. É claro que algumas pacientes podem precisar de um tempo em sala cirúrgica maior ou menor, de acordo com cada caso, mas um período entre 2h30min-4h é uma média de tempo razoável para a maioria dos casos.


As pacientes costumam ficar no hospital, na sala de recuperação, por aproximadamente 4h e depois vão para o leito. Se a cirurgia é realizada cedo pela manhã, geralmente a paciente tem alta cirúrgica no mesmo dia. Caso seja realizada mais tarde no dia, na maioria dos casos, há um pernoite hospitalar, pois entendemos que dessa forma é possível proporcionar mais segurança e também mais conforto às nossas pacientes nesse pós-operatório mais imediato.


Parte da equipe - Dr. Lucas Sartori

É interessante salientar também que toda paciente nossa, aqui da Clínica Sartori, que precisa dormir em hospital, é acomodada em quarto privado, com seu acompanhante, sendo atendida por toda a equipe do hospital durantea estadia. Além desse cuidado geral, há sempre uma técnica da minha equipe que passa a noite no hospital, para que a cada 2h, mais ou menos, essa paciente seja avaliada, cuidada, veja seu curativo, seu posicionamento no leito, receba uma massagem e ainda tenha auxílio com todas as orientações até que eu visite novamente a paciente no leito no outro dia, pela manhã, para a alta hospitalar.


O período de recuperação é basicamente o mesmo também. Eu costumo aconselhar 21 dias de afastamento das atividades diárias de trabalho. Obviamente, atividades que demandem esforço físico maior devem ser evitadas por um período maior, de 45-60 dias, em um pós-operatório que transcorra normalmente, sem intercorrências.


A mastopexia em L é uma técnica bastante nova, mas é uma tendência atual na Cirurgia Plástica, especialmente para as pacientes que buscam uma cirurgia com cicatrizes menores, e está disponível para todas as pacientes que nos procuram aqui na Clínica Sartori, em Ijuí.


Para qualquer dúvida sobre o assunto, fico à disposição de vocês. Podem deixar nos comentários, enviar direct no Instagram ou marcar um horário aqui na Clínica, onde terei uma grande satisfação receber vocês para conversarmos individualmente sobre essa nova técnica incrível!

Contatos:

- WhatsApp (https://api.whatsapp.com/send/?phone=555597072522)

- Telefones (55 99707-2522 e 55 3195-0730)

- Email (lucasdpsartori@outlook.com)

- Instagram (https://www.instagram.com/drlucassartori)

- Facebook (https://www.facebook.com/drlucasdalpozzosartori)

148 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo